A Câmara dos Deputados tem analisado projetos de leis relacionados a política e legislação ambiental com modificações nas leis ambientais brasileiras. Neste sentido, projeto prevê incentivo fiscal para quem preservar mata nativa além do exigido por lei.

Floresta
by RGS


 I
ncentivo fiscal para produtores rurais da Amazônia Legal
 


O Projeto em questão, concede incentivo fiscal para produtores rurais da Amazônia Legal e do cerrado que preservarem área de mata nativa acima do exigido por lei. Para o Projeto de Lei  4131/15, o benefício será pago com dinheiro do Fundo Nacional de Desenvolvimento Florestal (FNDR).

A diferença é que atualmente, os recursos do fundo destinado a fomentar o desenvolvimento de atividades sustentáveis de base florestal no Brasil e a promover a inovação tecnológica do setor só podem ser destinados a projetos de órgãos e entidades públicas, ou de entidades privadas sem fins lucrativos, assim, a referida proposta altera a lei 11.284/06, que trata do FNDR, para incluir a possibilidade de pagamento direto aos produtores rurais.

“É evidente que os mecanismos legais existentes hoje não coíbem a destruição de ambos os biomas, portanto, é necessário implementar modelos mais eficazes para a preservação e desenvolvimento sustentáveis das regiões”, justifica o autor.

Confira a ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

PL-4131/2015 – Autoria do deputado Augusto Carvalho (SD-DF),

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura Fonte: 'Agência Câmara Notícias' by Emanuelle Brasil





Por Ronaldo G. da Silva: Perfil

Compartilhe!

.
Posts Relacionados
 
Top